A escravidão africana no Brasil: das origens à extinção

R$20,00

de Evaristo de Moraes

REF: 978-85-8325-032-6 Categorias: ,

Descrição

Antônio Evaristo de Morais (1871.1939) nasceu e viveu no Rio de Janeiro, cidadão exemplar de um Brasil que ainda não ficou pronto. Arquitetou, com outros, o Partido Operário 1890), primeiro de caráter socialista do Brasil; e o Partido Socialista, partícipe da Segunda Internacional, defendendo a tese, em sua criação, de que os intelectuais de esquerda devem ser aliados da classe operária. Em 1908, instaurou, com outros, a Associação Brasileira de Imprensa (1908), que ainda hoje presta bons serviços ao País. Rábula durante 23 anos, aos 45 formou-se em Direito e, no exercício da profissão, defendeu Dilermando, o assassino de Euclides da Cunha, e o absolveu por legítima defesa; e os marinheiros da Revolta da Chibata, inclusive seu líder, João Cândido Felisberto, o “Almirante Negro”. Liderou a campanha por suas anistias, depois que os rebeldes se entregaram com a promessa, jamais cumprida, do governo brasileiro, de não castigá-los. E, graças à sua intensa movimentação em torno dos direitos e dos direitos trabalhistas numa República jovem, recém-saída do sistema escravista, integrou o Ministério do Trabalho criado por Getúlio Vargas, colaborando com a criação da CLT. Escreveu este livro (1933) para explicar a escravização humana de longa duração no Brasil. E, se vivo estivesse, festejaria sua participação neste projeto. (Aninha Franco, coordenadora da coleção)

A coleção A/C\Brasil – Auto-Conhecimento Brasil, pretende diminuir as lacunas editoriais nas áreas das ciências humanas e sociais, através de publicações consideradas como obras fundamentais para o conhecimento da formação do povo brasileiro.

Formato: 10×19 cm
Páginas:
224
ISBN: 978-85-8325-032-6
Peso: 220 gr
Ano: 2015
Preço: R$ 20,00

Informação adicional

Peso 0.220 kg
Dimensões 1.5 × 10 × 19 cm

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “A escravidão africana no Brasil: das origens à extinção”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *